O que fazer em Canela: dois dias, onze atrações e muita natureza

Canela concentra uma grande número de atrações da serra gaúcha e oferece ótimas opções para atividades ao ar livre, contemplação da natureza e aventuras. Mas é claro que é preciso reservar espaço também para alguns clássicos da região que incluem exibições e degustação de vinho, afinal você está na serra gaúcha! Neste post preparamos uma relação com 11 atrações que fizemos em um roteiro de dois dias pela região, resumindo o que é cada atração. Se vale ou não a pena? Você vai ter que testar!

1. Parque do Caracol

No primeiro dia eu recomendo sair bem cedo para explorar o Parque do Caracol que é o melhor passeio da região. Trata-se de um parque florestal que abriga uma enorme cascata – a Cascata do Caracol. E é esta maravilha da natureza que você quer ver ao chegar no parque. Por lá podemos admirar a cascata de pertinho e lateralmente por um dos mirantes ou podemos descer uma trilha de escadas que te leva praticamente até a base da cachoeira. Mas essa aventura não é para qualquer um não. A escada da pedra bamba tem mais de 500 degraus e se descer é mole, subir é uma penitência para sedentários como nós.

No parque há outras coisas para se fazer como  caminhadas, trilhas, trenzinho, piquenique, feirinha de artesanato e por aí vai.

Definitivamente não saia de Gramado ou Canela sem antes ter visitado este parque.

O que fazer em Canela Parque do Caracol (5)
Cascata do Caracol
O que fazer em Canela Parque do Caracol (3)
Chegando ao final da trilha de escadas que leva a base da cachoeira
O que fazer em Canela Parque do Caracol (2)
Trecho final da trilha da Cascata do Caracol. Na época a passarela estava danificada.
O que fazer em Canela Parque do Caracol (4)
Quati cuti cuti
O que fazer em Canela Parque do Caracol
Barragens acessíveis por outra pequena trilha do parque

2. Bondinhos Aéreos – Parque da Serra

Subindo um pouco mais a estrada de acesso ao Parque do Caracol, chega-se ao Parque da Serra, cuja principal atração é o passeio de bondinho. O passeio é uma forma alternativa para observar a Cascata do Caracol já que os bondinhos descem pela encosta da montanha localizada em frente a Cascata e te levam a um mirante , porém esta vista não é tão próxima como a que obtemos no Parque do Caracol. O visual é espetacular, mas convém escolher entre o bondinho e o Parque do Caracol se não tiver muito tempo disponível.

O passeio de bondinho também inclui uma parada em uma estação mais alta na montanha onde você pode fazer trilhas curtas ( bem curtas) e ver uma exibição de esculturas em madeira que reproduzem animais da fauna da mata atlântica. As esculturas que falam, são assim conhecidas pois ao interagir com a peça é possível reproduzir o som emitido pelos animais esculpidos.

Na estação de embarque há algumas lojinhas e locais para alimentação. No parque há também uma tirolesa curta para quem quiser mais adrenalina. Neste dia, eu passei essa….

O que fazer em Canela Bondinhos Aereos (2)
Bondinhos descendo até o mirante
O que fazer em Canela Bondinhos Aereos
Cascata do Caracol vista do Parque da Serra

3. Parque da Ferradura

Em termos de beleza natural, o Parque Vale da Ferradura, situado mais acima na mesma estrada dos parques anteriores, é para mim imbatível. O parque abriga um cânion com 420 metros de profundidade. Visto do alto, a formação rochosa que é circundada por corredeiras lembra o desenho de uma ferradura.

Apesar deste ser um parque para os mais aventureiros em função das trilhas disponíveis, ele merece uma visita, mesmo que rápida para descansar e contemplar essa maravilha da natureza. O acesso aos principais mirantes também é feito por trilhas, mas são trilhas curtas que a maioria das pessoas consegue fazer. Só que aqui não tem escada não. Nós fizemos as trilhas curtas, óbvio!! Mas um dia quero descer até as corredeiras. Ao todo são quatro trilhas e três mirantes para observação.

O parque também tem espaços para piquenique e quiosques para fazer um churrasco. Só tem que tomar cuidado com os quatis que vivem aos montes por ali…aliás eu esqueci de mencionar que eles também habitam em abundância o Parque do Caracol. E os bichinhos são bem atrevidinhos. Não se engane com sua fofura! Macacos-prego, cutias e muitas aves também residem no parque.

#Dica: Se quiser conhecer os três parques, o mais bacana é iniciar pela Ferradura e depois vir descendo…

O que fazer em Canela Parque da Ferradura (5)
Cânions do Parque da Ferradura
O que fazer em Canela Parque da Ferradura (4)
Mirante acessível por uma das trilhas
O que fazer em Canela Parque da Ferradura
Vista de outro mirante
O que fazer em Canela Parque da Ferradura (6)
Cachoeira
O que fazer em Canela Parque da Ferradura (3)
Quati apaixonado por mim
O que fazer em Canela Parque da Ferradura (2)
Meus quatis no Parque da Ferradura ( não os alimente e não os toque!)

4. Castelinho Caracol

Se você visitou os três parques anteriores, o seu retorno até Canela já se dará mais para o fim da tarde e outra parada obrigatória pela fofurice é o Castelinho Caracol, que também fica na estrada do caracol.

Esta charmosa e florida casa com arquitetura alemã certamente vai te chamar atenção na estrada. Ela foi construída no início do século XX e é tida como uma das primeiras residências construídas em Canela. Toda construída em madeira e cercada por um esplêndido jardim na frente e um riacho ao fundo, essa seria uma casa onde eu adoraria morar! O seu interior é uma viagem ao passado, com ambientes e móveis de época preservados. Além de museu, o Castelinho Caracol é um café famoso por sua torta de maça que é servida na sala de chá. Eu não gosto de torta de maça, mas o cheirinho é tentador! Não deixe de visitar a cozinha e sentir o cheirinho de perto!

E no outono, os plátanos avermelhados no quintal do casa a tornam um dos cenários mais belos que pude apreciar em Canela!

O que fazer em Canela Castelinho Caracol]
Castelinho Caracol
O que fazer em Canela Castelinho Caracol (3)
É preciso pagar uma taxa para visitar o interior da casa
O que fazer em Canela Castelinho Caracol (2)
Sala do chá onde é servida torta, cafezinho….
O que fazer em Canela Castelinho Caracol (4)
A cozinha cheirosa!!!
O que fazer em Canela Castelinho Caracol
Plátanos avermelhados colorindo o quintal do castelinho no outono.

5. Parque do Pinheiro Grosso

Este é outro parque florestal situada na estrada que leva à estrada do Caracol. Ele fica antes do Castelinho e quase em frente aos parques temáticos infanto-juvenis. É um parque pequeno de um tranquilidade sem igual. Não tem muito o que fazer a não ser caminhar pelas passarelas de madeira que te levam ao que dizem ser um dos pinheiros mais antigos do mundo: uma araucária com mais de 700 anos com um tronco bem grande que precisa de 12 pessoas para ser abraçado por completo.

Na entrada do parque há uma sala com exposição de fotos e fatos históricos relacionados ao parque e a cidade.

O que fazer em Canela Pinheiro Grosso (2)

O que fazer em Canela Pinheiro Grosso (6)
Passarela para caminhada no Parque do Pinheiro Grosso
O que fazer em Canela Pinheiro Grosso (3)
O bendito e centenário pinheiro

O que fazer em Canela Pinheiro Grosso (5)

6. Catedral de Pedra – Catedral Nossa Senhora de Lourdes

Chegando ao final do dia em Canela, vale parar para conhecer a Catedral de Pedra, mesmo que a lua já comece a tomar conta do céu. É que a Catedral a noite fica toda iluminada com diferentes cores que lhe dão vida e lhe roubam um pouco do estilo gótico.

A catedral que já foi eleita uma das sete maravilhas do Brasil, possui 65 metros de altura e 12 sinos de bronze. O interior vale a visita!

Atrações de Gramado e Canela Catedral de Pedra Canela
Catedral de Pedra
IMG_1449
Foto noturna da Catedral ( desculpem aí a qualidade tá ruim…)

7. Flammi Mundo da Vela

Taí um lugarzinho que gosto muito de visitar depois que termino os passeios do dia. O Mundo da Vela é uma pequena fábrica artesanal de velas esculpidas a mão. A dona da loja costuma estar sempre lá e faz ao vivo e em poucos minutos uma obra de arte especialmente para você ver, sem qualquer compromisso de compra.

É uma ótima opção para adquirir lembrancinhas na forma de velas, com os mais variados formatos e cores. Confesso também que acho muito terapêutico vê-la esculpir e transformar as velas!! Recomendo muito!

Veja que não necessariamente você precisa visitar a Catedral e o Mundo da Vela no primeiro dia. Você pode fazê-los também na manhã do segundo dia, mas nós preferimos a caminhada matinal.

8.Parque das Sequoias

O nosso segundo dia começa com mais uma atividade de natureza, uma caminhada no parque das sequóias. Este parque é tipo um museu a céu aberto onde estão plantadas algumas dezenas de exemplares de árvores coníferas trazidas de várias partes do mundo. As sequoias estão entre as árvores mais altas do mundo e este bosque já abriga algumas com cerca de 40 metros de altura.

Vale a pena caminhar pelo bosque se você curte esse tipo de atividade despretensiosa, gosta de respirar o ar puro e curtir os sons da natureza. Dá para passear de bike também, mas é isso e nada mais.

O mais bacana deve ser se hospedar em uma das cabanas do parque, mas essa experiência nós ainda não tivemos.

O que fazer em Canela Sequoias
O bosque das sequoias
O que fazer em Canela sequoias (2)
Os exemplares estão sinalizados como em um museu verde
O que fazer em Canela Parque das Sequoias
O bosque é considerado uma mini floresta negra

9. Mundo a Vapor

O Mundo a Vapor é um clássico da região e fica na estrada principal entre Canela e Gramado. O museu temático exibe miniaturas de maquinários a vapor, perfeitos em detalhes e movimentos. Dá pra conhecer um pouco sobre fábricas, serrarias, usinas, siderurgia, trem, barco e mais um monte de máquinas de tração humana, animal e por aí vai…É um bom passeio, mas para fazer apenas uma vez . Para crianças, acho bastante educativo.

Dentro do parque, que é coberto, há lojinhas, cafés e uma atração que gostamos muito que é a foto antiga!! Pra gente, se vestir de imigrantes italianos e tirar a foto de época, foi a melhor parte.

Atrações de Gramado e Canela Mundo a Vapor Canela
Mundo a Vapor, mesmo que você não entre você vai querer parar nesta fachada!
IMG_0705
Uma das várias maquetes do Mundo a Vapor

10. Alpen Park

Na parte da tarde em Canela, vale dar um pulo no Alpen Park. Este é um parque de diversões para todas as idades, com algumas atrações bem bacanas. O legal é que você paga o ingresso por atração, ou seja, se você não quer brincar em nada e só vai acompanhar alguém, também não vai pagar nada.

Montanha russa, simuladores, torre de rapel, escalada, circuito de quadriciclo, arborismo e tirolesa estão entre as atrações do parque. É claro que para aproveitar isso tudo é preciso ficar no mínimo a tarde inteira.

Nós testamos o trenó alpino que funciona como uma montanha russa onde o carrino ( trenó ) simula os trenós de neve. O circuito é simples e rápido, mas dá um barato, porque é você quem controla a velocidade do seu trenó. Dá para ficar com um friozinho na barriga.

Mas o melhor do Alpen Park me pareceu ser a tirolesa em que eu me arrisquei. Você voa por um circuito de duas tirolesas a cerca de 50 metros de altura por cima das copas das árvores! No primeiro trecho são 190 metros de distância e no segundo 110 metros. Foi realmente incrível fazer esse circuito. Mas confesso, me borrei bastante e quase desisti…rs

IMG_0632
Circuito da Tirolesa. Amei!!

11.Vinícola Jolimont

Saindo do Alpen Park já no final da tarde, e para aliviar a tensão pós- tirolesa, seguimos a estrada rumo a vinícola Jolimont.

A visitação guiada com explicações sobre a produção do vinho é gratuita e termina com uma ótima degustação de alguns rótulos, incluindo espumante e o mais perfeito suco de uva que eu conheço!! E o melhor é poder brindar o final do dia, assistindo o sol se por com uma bela vista para os parreirais!

degustação de vinhos na serra gaucha jolimont
Visual do “quintal” da Vinícola Jolimont
degustação de vinhos na serra gaucha jolimont (2)
Parreiras da Jolimont

 

E claro que poderíamos continuar esta lista, mas por enquanto esses foram os principais lugares que conhecemos por lá. E você tem outras dicas bacanas ou de furadas? Deixa aí nos comentários!!


Quer ler mais sobre a Serra Gaúcha? Talvez você se interesse por estes artigos:

Passeio no Vale dos Vinhedos com Maria Fumaça: o tour da Uva e Vinho por conta própria

Onde ficar em Canela: Pousada Aldeia dos Sonhos


 

Já reservou seu carro para esta viagem?

Recomendamos que utilize o site Rentcars para pesquisar e comparar valores para locação de veículos. Dentre as vantagens em utilizar a Rentcars, está a possibilidade de parcelar a reserva do seu carro em em até 12 vezes sem juros. Faça a sua reserva utilizando nosso banner e ajude a manter este site. Cada reserva feita por aqui gera uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso!

rentcars

9 comentários em “O que fazer em Canela: dois dias, onze atrações e muita natureza

  1. Ai, quanta coisa linda para ver e fazer! Ameis os parques, amo atrações naturais e com cachoeiras, rios e trilhas! Amei também o Mundo a Vapor, parece ser o máximo! Já vi que tenho é coisa para conhecer quando passar por lá! Anotei tudinho! Adorei! Beijos

    Curtir

  2. Sabe que este é um passeio que eu me arrependo absurdamente de não ter feito? Me faltaram muitos lugares no Brasil, mas esse, confesso que me dói um pouco. Muito bom, quando eu for, usarei seu post como base. Beijos!

    Curtir

  3. Que lugar lindo!!! Nunca tinha visto essas paisagens de natureza tão lindas de Canela!! A Serra Gaúcha está na minha wishlist faz tempo… preciso marcar logo uma viagem para lá e aproveitar todas as suas dicas!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s